Agentes das Forças Armadas em parceria com agências federais e estaduais, integrantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica transportaram brigadistas e despejaram água durante os sobrevoos, para conter os focos de incêndio que atingem o Pantanal de Mato Grosso do Sul (MS) e Mato Grosso (MT).

MT: Estado recebe ajuda das forças de segurança nacional para ajudar no combate aos incêndios florestais

Operação Focus investiga origem das queimadas no Pantanal

As ações aconteceram nas localidades de Serra Negra e Amolar, em Corumbá (MS), e na região de Faz Carvãozinho e Faz Rio Novo, em Poconé (MT). O militares estão nessa missão desde o dia 25 de julho, no combate a incêndio no Pantanal sul-mato-grossense.

O Centro de Coordenação da Operação está instalado no aeródromo do Sesc Pantanal, em Poconé (MT), ponto estratégico para o emprego dos meios. As intervenções contam com 888 pessoas, sendo militares, brigadistas e civis.

Fonte: Brasil 61