Por Kariane Costa – Brasília

A imunização com a vacina chinesa Coronavac deve começar em dezembro. O anúncio aconteceu nesta quarta-feira (23), em coletiva de imprensa do governador de São Paulo, João Doria. Ele apontou o alto índice de efetividade da vacina (quase 95% dos voluntários), e o baixo nível de efeitos colaterais apresentado durante os testes.

Segundo Dória, esses resultados demonstram que a vacina desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac é segura quando testada em humanos.

O governador disse ainda que a empresa assinou uma parceria com o Instituto Butantan para a produção do imunizante no Brasil em larga escala para vacinar todos os brasileiros.

Os resultados sobre a eficácia da vacina no Brasil devem começar a aparecer a partir da segunda quinzena de outubro, segundo o diretor do instituto Butantan, Dimas Covas. Se esse cronograma se mantiver, e a vacina se mostrar eficaz e for aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa),  a expectativa do governador paulista é que a vacinação seja liberada  a partir de dezembro.

Edição: Ana Pimenta