Por Eliane Gonçalves – São Paulo

A Moderna, uma farmaceutica americana, informou, nesta segunda-feira (16), que a vacina contra a covid-19 que está desenvolvendo se mostrou 94,5% eficaz nos estudos da fase 3.

Os resultados ainda são preliminares e precisam ser publicados em uma revista científica onde serão analisados por outros pesquisadores.

A vacina tem como base a tecnologia do RNA mensageiro, para desenvolver a resistência ao coronavírus. Já foi testada em mais de 30 mil voluntários dos Estados Unidos e, dos 95 casos de coronavírus confirmados, 90 foram de pessoas que tomaram o placebo e não a vacina.

Apenas 5 pessoas que tomaram a vacina contraíram a doença. Além disso, todos os casos mais graves também foram registrados apenas em quem havia tomado apenas o placebo.

A tecnologia da vacina é experimental. A farmacêutica Moderna foi criada em 2010 com o objetivo de desenvolver medicamentos para câncer, doenças cardíacas e doenças infecciosas, mas até agora, não trouxe nenhum medicamento ou vacina para o mercado.

Esta vacina em teste contra a covid-19 está sendo desenvolvida também com recursos do governo dos estados unidos pelo NIH, o Instituto Nacional de Saúde, uma espécie de ministério da saúde deles.

Fonte: Agência Brasil