CE: SENAI participa de capacitação de egressos do sistema penitenciário do estado

Internos e egressos do sistema penitenciário cearense serão beneficiados com cursos de capacitação oferecidos por meio de uma parceria que envolve o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do estado (SENAI-CE), a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) e a empresa Amanco-Wavin.

Segundo a gerente de Educação do SENAI-CE, Sônia Parente, a capacitação ocorrerá nas áreas de confecção, principalmente têxtil e vestuário, na área de alimentos, na área de movelaria e na área de metal mecânica. “Atualmente, nós estamos com o projeto PROCAP, com atendimento de cerca de 180 turmas. Desde setembro, já atendemos, um total de 60 turmas, ou seja, 1/3 da meta planejada, e serão atendidos 3.600 internos”, explica a gerente.

O diretor do SENAI-CE, Paulo André Holanda, afirma que a instituição vai disponibilizar o laboratório montado para a realização das aulas, localizado na unidade de Jacarecanga. Segundo ele, esta não é a primeira vez que um projeto voltado para capacitação de detentos é realizado com o envolvimento do SENAI.

“Durante 2017 e 2018, nós capacitamos os egressos do sistema penitenciário na intenção que eles tivessem uma qualificação profissional e entrar no mercado de trabalho. Em 2019, nós capacitamos 4 mil internos. Foram mais de 20 cursos de qualificação profissional que o SENA-CE ministrou dentro dos presídios”, destaca.

Sobre a atual parceria, Paulo André Holanda garante que será relevante para o desenvolvimento da ação. Cada parte envolvida, na avaliação dele, fornecerá um papel fundamental para o atendimento completo na capacitação dos detentos e egressos.

“São dois importantes parceiros do SENAI, a empresa Amanco, que fornece materiais e catálogos para capacitação de bombeiros hidráulicos, e a SAP, por meio da CISPE, que tem junto ao SENAI, proporcionado a constante formação de internos e egressos do sistema penitenciário”, disse.

Na avaliação do especialista em segurança pública e privada, Leonardo Sant’Anna, essa medida é importante porque envolve três pilares considerados por ele, relevantes para quem ingressa no sistema prisional. São eles: a ressocialização, a reincidência e a influência.

“Quando tratamos de ressocialização, sabemos que existe uma dificuldade muito grande de quem é egresso do sistema penitenciário para conseguir se reagregar à sociedade. Quando falamos de reincidência, tratamos dos que, uma vez empregados, não terão que voltar para o mundo do crime. Quando falamos da influência, tratamos sobre quem ainda está cumprindo pena e percebe que alguém pode sair e ter uma vida digna, e também vai buscar essa possível ressocialização”, explica.

Em 2019, o SENAI-CE disponibilizou estrutura de docente, material didático, equipamentos, unidades móveis, utensílios e insumos para a realização dos cursos. A oferta abrangeu os complexos penitenciários localizados nos municípios de Itaitinga, Pacatuba, Sobral, Juazeiro do Norte e Aquiraz.  

Já em 2020, teve o início de um novo contrato com a Secretaria de Administração Penitenciária do Estado do Ceará, cujo recurso para a execução deste já foi aprovado no valor superior a R$ 5,4 milhões.

Contribuição durante a pandemia

No mês de maio, durante um dos momentos mais críticos da pandemia do novo coronavírus, um grupo de 52 internas e internos de seis unidades prisionais do Ceará ajudaram a conter a disseminação da Covid-19 no sistema penitenciário local. Até abril, por exemplo, eles haviam produzido cerca de 25 mil máscaras de proteção. As peças foram distribuídas para 30 prisões do estado, beneficiando outros detentos e servidores.

A ação se deu graças ao trabalho de qualificação técnica realizado pela Secretaria de Administração Penitenciária, em parceria com o SENAI-CE. O trabalho em conjunto entre as duas instituições já dura mais de três anos e contribui para a qualificação tanto de detentos quanto de egressos do sistema prisional do estado.

Fonte: Brasil 61

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *