Resumo da novela Topissíma 12/07 a 16/07

RESUMO TOPÍSSIMA – 12 de julho
Lara implora para Paulo Roberto não fazer mal a sua filha. O reitor observa a alucinação de Sophia e oferece mais bebida a ela. Andrea tenta impedir Lara de sair, mas a megera vai ao encontro de Sophia. Bruno e Canarinho a seguem. Dagoberto tenta impedir, mas Mão de Vaca também segue o carro de Lara. Ansioso, Taylor liga para Pedro. Lara pede para o motorista ir mais rápido. Andrea, Dagoberto e Sem Noção também seguem para o hotel de Sophia. Clementina se preocupa com a patroa. Sophia deliria sob o efeito da droga. Na república, os estudantes aguardam por notícias. Paulo Roberto força Sophia a segurar a droga para deixar as digitais. Ele esconde o Veludo Azul nas roupas dela. André estranha a ausência de Pedro.

O delegado diz que tem um traidor entre eles. Pedro vê Lara chegando ao hotel e avisa a Paulo Roberto. Angélica observa Lara subindo até a suíte. O garçom Geraldo a vê e ela disfarça. Angélica observa Lara entrando na suíte. A megera se desespera ao ver a filha drogada. Paulo Roberto ameaça matá-la. O motorista Walter tenta subir para entregar o celular de Lara, mas o recepcionista o impede. Mão de Vaca chega ao hotel e entra. Ele se mistura a um grupo de turista e Walter o vê. Andrea chega com Dagoberto e vai logo entrando no hotel. Bruno observa e entra também. Sem Noção vê Bruno entrando.

Paulo Roberto saca uma arma e aponta para Lara. Angélica percebe a aproximação de Mão de Vaca e se esconde. O rapaz escuta a briga de Paulo Roberto e Lara no interior da suíte. Pedro provoca um curto circuito e o hotel fica todo no escuro. Paulo Roberto deixa a suíte. Lara tenta acordar Sophia. Ela pega o celular da filha e liga para o motorista. Lara avisa que Paulo Roberto tentou matá-la e pede para chamarem uma ambulância. O recepcionista tenta acalmar os hóspedes diante do apagão. Paulo Roberto repara um volto indo em direção à suíte e deixa o local. Sem Noção aguarda ansioso do lado de fora do hotel. Na moo de Bruno, Canarinho também aguarda. Na suíte escura, Lara tenta reanimar Sophia. De repente, alguém se prepara para esfaqueá-la.

RESUMO TOPÍSSIMA – 13 de julho


Lara está caída no chão, morta com uma faca nas costas. Um vulto deixa o local. Sophia permanece drogada. Paulo Roberto liga para Pedro e avisa que não conseguiu matar Lara. Assustado, Mão de Vaca desce as escadas do hotel. Sem Noção vê Andrea deixando o local. Ela liga para Dagoberto, que avisa que está descendo pelas escadas. Diante da falta de luz, o recepcionista é questionado pelos hóspedes. A luz reacende. O recepcionista estranha ao ver Bruno deixando o hotel. Paulo Roberto também deixa o hotel. Bruno encontra com Canarinho e pede para deixarem o local imediatamente. Andrea vê Paulo Roberto saindo do hotel. Mão de Vaca não espera Dagoberto e segue para a república. Pedro encontra o reitor e eles deixam o local de carro. Taylor fica revoltado ao saber que Paulo Roberto não conseguiu matar a irmã.

Drogada, Sophia estranha o estado de Lara. Dagoberto deixa o hotel. Em conversa com Canarinho, Bruno diz que Sophia pode ter matado a mãe. O advogado pede para o amigo não ligar para a polícia. André se irrita com a falta de notícia de Pedro. O policial se separa de Paulo Roberto e segue para a delegacia. Mão de Vaca chega na república e Isadora estranha seu jeito. Sophia não percebe que sua mãe está morta. Bruno pede para Canarinho não chamar a polícia. Paulo Roberto encontra com Taylor e explica que não matou Lara. Drogada, Sophia tenta ninar o corpo de sua mãe. Mão de Vaca reclama por Dagoberto tê-lo seguido.

Sem Noção tenta acalmar Andrea. André diz para Pedro que alguém de dentro da polícia está os traindo. Suja de sangue e desorientada, Sophia deixa o hotel. O recepcionista liga para a polícia. Logo em seguida, ele avisa a Antonio. Sophia caminha, lentamente, pelas ruas. André e Pedro seguem para o hotel. Antonio pede um carro emprestado e vai à procura de Sophia. Desorientada, Sophia caminha pela avenida Niemeyer. Os funcionários do hotel vão até a suíte e constatam que Lara está morta. André e Pedro são avisados sobre a morte da mãe de Lara Alencar. Antonio encontra com Sophia caminhando suja de sangue. Logo em seguida, o carro da polícia se aproxima. Antonio pede para Pedro não atirar.

RESUMO TOPÍSSIMA – 14 de julho
Pedro atira em Sophia de raspão. André pede para o policial cessar fogo, mas Pedro mira em Antonio e atira novamente. O taxista consegue desviar e vai em direção ao carro. Pedro continua atirando. Antonio e Sophia conseguem entrar no carro e fogem. André questiona a atitude impulsiva de Pedro. Os policiais perseguem o carro de Antonio e Sophia. O taxista decide parar o veículo e se entrega. Sophia é presa e levada para o hospital. Pedro liga para Paulo Roberto e avisa que Lara foi assassinada. Inês e Edevaldo ficam espantados com a notícia. Rafael estranha a ausência de Lara na mansão. No hospital, Antonio afirma que Sophia não é viciada em droga. A imprensa chega ao hotel. Inês diz para Clementina que Sophia matou a própria mãe. Sophia chora pela morte de Lara. Inês tenta acalmar Clementina. Carlos descobre que Lara está morta.

Na república, Andrea explica o ocorrido no hotel na noite anterior. Mão de Vaca se recusa a dar explicações a Dagoberto e segue para ver Minha Flor no hospital. Carlos passa pelos jornalistas e entra no hospital. Ele é recebido por Antonio. André pede notícias à Graça. Inês e Clementina tentam desviar dos jornalistas no hospital. André faz perguntas à Sophia, mas ela diz não lembrar de nada da noite anterior. Em conversa com Paulo Roberto, Lima se desespera ao saber que Lara foi assassinada. O reitor afirma que ele não matou a irmã. Lima ameaça entrega-lo caso seja culpado pela morte de Lara. Angélica chega na universidade e descobre que Lara foi assassinada. Carlos e Antonio apoiam Sophia. Graça chega ao hotel para encontrar os peritos. Mariinha e Gabriela visitam Rafael. Sophia é amparada por Carlos. Antonio encontra com Andrea e avisa que Lara está morta. Ele diz que Sophia está sendo acusada de matá-la.

RESUMO TOPÍSSIMA – p15 de julho
Andrea se desespera ao saber que Lara foi assassinada. Lima e Angélica temem ser culpados pela morte de Lara. Clementina afirma que Sophia é inocente. Paulo Roberto pede calma à Angélica e Lima. Eles fingem diante de Beatriz. Sem Noção diz que o melhor é Andrea permanecer na república. Na prisão, Edevaldo avisa a Edison sobre a morte de Lara. André avisa que deixará um policial na porta do quarto de Sophia. Mão de Vaca encontra com Pedro no hospital e acusa Paulo Roberto. Os peritos encontram droga no quarto de Sophia. Os funcionários do hotel comentam sobre o ocorrido. Rafael agradece o apoio de Gabriela. Pedro impede Andrea de visitar Sophia. A menina fala com os jornalistas e assume que é filha de Lara. Andrea pede para Antonio leva-la até a delegacia para assumir o assassinato no lugar de Sophia. Antonio pede para ela se acalmar. Clementina lamenta a situação de Sophia. Dagoberto tenta fazer com que Mão de Vaca desista de investigar o tráfico, mas o rapaz se mostra decidido.

RESUMO TOPÍSSIMA – 16 de julho


Yasmim abre o jogo com Fernando e pede para ele se afastar de Pedro. Antonio e Andrea pedem a ajuda de Bruno. Mariinha diz que Pedro manteve seu disfarce na peixaria por muito tempo. Angélica pede para Paulo Roberto promove-la a reitora da universidade, mas ele ri, debochando. Graça mostra para André a droga encontrada na suíte de Sophia. Thaís apresenta Jade ao advogado e avisa que está pedindo sua guarda. A menina fica espantada ao saber poderá morar com a mãe na Europa. Mão de Vaca esbraveja de raiva. Andrea volta para a república e conta que foi impedida de ver a irmã. Carlos se encontra com o advogado de Lara e descobre que ela deixou um testamento. O defensor conta que a mãe de Sophia vinha investigando Paulo Roberto. Yasmim questiona Pedro sobre a morte de Lara. André interroga os funcionários do hotel. O delegado encontra com Graça e diz que Paulo Roberto também é um suspeito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *