Resumo da novela Nos tempos do Imperador 24/01 a 29/01

24 de janeiro

Zayla defende Guebo de Borges, que afirma que o rapaz está detido. Dominique ampara Teresa, que passa mal. Pedro lamenta com Luísa o andamento da Guerra do Paraguai. Para afastar Pilar de Solano, Elisa ajuda a médica a se disfarçar como um soldado brasileiro. Justina consegue que Luís Gama defenda Guebo. Dolores confronta Tonico, e Nélio garante à esposa que encontrará Mercedes. Tonico exige que Borges descubra uma prova do caso entre Pedro e Luísa. Vitória cede a Clemência e aceita adiar sua viagem a Paris. Pilar e Samuel se encontram em meio à guerra.

25 de janeiro

Pilar revela a Samuel que esteve prisioneira de Solano Lopez e conta que Tonico era seu aliado. Solano afirma a Elisa que não se renderá. Luísa se desentende com Dominique. Clemência deixa escapar para Vitória que vive um amor impossível. Zayla recupera o colete manchado de Tonico, do dia em que tirou a vida de Nino, e o leva até Celestina e Teresa. Tonico manipula Dominique. Olu visita Pedro. Na Quinta, todos falam mal de Tonico para Dominique. Tonico invade a casa de Luísa e encontra sua correspondência com Pedro.

26 de janeiro

Tonico planeja derrotar Pedro. Todos comemoram que a guerra está quase no fim. Pilar reencontra Ana Néri. Celestina pede que Nélio a represente contra Tonico no pedido de reabertura do inquérito da morte de Nino. Guebo perde as esperanças de ser libertado. Vitória impede que Clemência se declare para ela. Luísa descobre que sua correspondência com Pedro foi furtada. Tonico chantageia Pedro na frente de Luísa e Teresa, e Isabel ouve.

27 de janeiro

Isabel passa mal ao constatar que Pedro e Luísa são amantes. Tonico exige o fim das investigações contra ele, além de um cargo de senador. Pilar e Samuel se casam. Isabel expulsa Luísa da Quinta e se afasta de Pedro. Gastão se preocupa com Isabel ao saber que a esposa foi a última a saber do romance de Pedro com Luísa. Luísa desconfia de que Dominique tenha entregado as cartas a Tonico. Vitória anuncia que partirá para Paris, e Clemência chora. Pedro garante a Teresa que não cederá às chantagens de Tonico. Tonico decide publicar as cartas, mas um misterioso incêndio é provocado em seu jornal.

28 de janeiro

Tonico exige que Borges descubra quem ateou fogo a seu jornal. Caxias oferece trégua a Solano, que nega a rendição. Justina, Cândida e Olu temem a possível pena de prisão de Guebo. Zayla afirma a Jamil que alguém precisa assumir o controle dos Guerreiros. Elisa implora que Solano se renda. Tonico é acusado de corrupção na câmara. Samuel rende Filinto. Pressionado, Filinto confessa que atentou contra Pedro a mando de Tonico.

29 de janeiro

Pilar admira Samuel. Pedro, Teresa, Augusto e Leopoldina reúnem acusações contra Tonico. Tonico pede que Alencar suspenda as investigações contra ele. Luísa sofre com o afastamento de Isabel, e Dominique pede que a princesa perdoe sua mãe. Nélio afirma a Dolores que encontrarão Mercedes. Teresa comenta com Celestina que os manuscritos de Nino podem deter Tonico. Tonico se recusa a renunciar. Solano e Elisa fogem. Dolores confronta Tonico, mas Nélio afasta os dois.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.